Entra na minha casa


Um fariseu convidou Jesus para jantar. Jesus foi até a casa dele e sentou-se para comer. Lucas 7:36.

Muitas pessoas querem receber Jesus em sua casa, afinal de contas, a presença de Jesus sempre traz boas novidades, todas pessoas que receberam Jesus em suas casas, durante seu ministério terreno, foram milagrosamente abençoadas.

O que devemos fazer para atrair a presença de Jesus em nossa casa? Em Apocalipse 3:20 Jesus diz: Escutem! Eu estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, eu entrarei na sua casa, e nós jantaremos juntos. Considerando essa declaração de Jesus, podemos afirmar que ele está sempre disposto a entrar na casa de quem lhe abre as portas.

Algumas pessoas não convidam Jesus para entrar em suas casas porque se julgam indignos. A questão não envolve a falta de fé. Tais pessoas desejam ser abençoadas por Jesus, mas reconhecem sua condição e julgam-se incapazes de recebê-lo porque sabem quem é Jesus. Quando olham para si, veem seus pecados e se julgam indignos diante da majestade de Jesus. Mateus 8:8 – Não, senhor! Eu não mereço que o senhor entre na minha casa. Dê somente uma ordem, e o meu empregado ficará bom.

  • Quando é que a pessoa se julga indigna para receber Jesus em sua casa? É provável que na casa do oficial romano houvesse coisas que Jesus não aprovava; ambiente desfavorável para receber o mestre, cercado por pessoas descrentes que rejeitavam a Cristo. Do mesmo, às vezes a pessoa não é o dono da casa; outras condições desfavoráveis etc. Mesmo assim, Jesus realizou o milagre porque a Sua palavra entrou no coração do homem.
    • Não importa se você não pode recebê-lo em sua casa natural, Jesus deseja habitar primeiramente o teu coração e a partir de você liberar bênçãos sobre pessoas da tua família. Apenas, tenha uma fé verdadeira em Jesus.

Assista o vídeo dessa mensagem nosso canal. Aproveite para se inscrever, curtir, compartilhar e comentar em

Outras pessoas esperam pelo dia em que Jesus irá visitar suas casas para atender suas petições. Você ora acerca de alguma situação que depende da ajuda de Deus; você sente que a benção está chegando; mas, por alguma razão, tem se a impressão que o tempo parou e a benção ficou retida no caminho. Nessas horas, surgem pessoas dizendo que não adianta orar, que você deve aceitar a derrota, mudar seu foco e esquecer o que pediu. Porém, a perseverança para saber esperar a sua vez, pode mudar tudo em sua casa.

  • Enquanto o oficial romano foi abençoado pela palavra de Jesus, Jairo esperou Jesus curar uma mulher no caminho, antes de ir a sua casa. A sua espera valeu a pena. Lucas 8:41-56 – Quando Jesus entrou na casa de Jairo, declarou (verso 52) – Não chorem, a menina não morreu; ela está dormindo.
  • Marta e Maria esperaram a visita de Jesus quando Lázaro adoeceu. Jesus chegou 4 dias após a morte de Lázaro, então Marta disse: – Se o senhor estivesse aqui, o meu irmão não teria morrido! A resposta de Jesus foi simples e objetiva – O seu irmão vai ressuscitar! João 11:1-44.

O terceiro exemplo que trago para vocês, mostra que há pessoas que convidam Jesus porque buscam por fama. No texto em apreço, um fariseu chamado Simão convidou Jesus para ir jantar em sua casa. O seu propósito não era honrar a Jesus, mas aproveitar a ocasião para questionar sua autoridade e obter fama entre seus convidados.

  • A preocupação do fariseu era com a aparência exterior, algo comum entre os fariseus que se preocupavam com a aparência. Jesus entrou em sua casa, se assentou para comer, não teve qualquer recepção especial para o Mestre. Em nenhum momento o fariseu demonstrou boa hospitalidade e boa recepção com Jesus, dando-lhe a honra devida.
  • O fariseu se preocupou com a comida, bebidas e organização do jantar. Ele chamou os amigos e convidados para verem Jesus em sua casa e quem sabe desafiar a sabedoria de Jesus durante as conversas. Simão estava mais preocupado em sua autopromoção perante as pessoas, do que em honrar Jesus em sua casa.
  • O fariseu não cumpriu o protocolo social da época: não pediu aos empregados para lavar os pés de Jesus, como era costume, simbolizando hospitalidade; como anfitrião, não cumprimentou Jesus com o beijo, como era comum em relação ao convidado, em sinal de boas-vindas; não ungiu a cabeça de Jesus com azeite em sinal de respeito.

Duas perguntas importantes para refletir nesta passagem:

  • Como você tem recebido Jesus em seu lar, a sua residência?
  • Como você tem recebido Jesus em sua casa espiritual, o seu coração e mente?

Uma mulher de má fama rouba a cena durante o jantar. Ela não foi convidada para o jantar, mas ao saber que Jesus estava na casa de Simão, ela pega o que tinha de mais precioso, um vaso de perfume, invade o recinto dá o exemplo de hospitalidade, humildade e reverência sobre como receber Jesus em sua casa.

Simão demonstra desrespeito e descrença sobre Jesus em seu pensamento. Toda aquela festa era mera aparência, seu coração estava distante. A sua intenção indica que queria testar se Jesus realmente era o Cristo – Se este homem fosse, de fato, um profeta, saberia quem é esta mulher que está tocando nele e a vida de pecado que ela leva.

Jesus conta uma história para Simão sobre dois devedores que foram perdoados de suas dívidas, um devia mais que o outro. Jesus pergunta a Simão qual dos dois devedores era mais agradecido e Simão respondeu – Eu acho que é aquele que foi mais perdoado!

A lição de Jesus, Lucas 7:44-47 – Então virou-se para a mulher e disse a Simão: — Você está vendo esta mulher? Quando entrei, você não me ofereceu água para lavar os pés, porém ela os lavou com as suas lágrimas e os enxugou com os seus cabelos. 45 Você não me beijou quando cheguei; ela, porém, não para de beijar os meus pés desde que entrei. 46 Você não pôs azeite perfumado na minha cabeça, porém ela derramou perfume nos meus pés. 47 Eu afirmo a você, então, que o grande amor que ela mostrou prova que os seus muitos pecados já foram perdoados. Mas onde pouco é perdoado, pouco amor é mostrado.

  • Só é agradecido quem reconhece o valor do perdão e da benção que recebeu. Simão era religioso, fazia quase tudo certo, tinha poucos erros que pudessem condená-lo, por isso não deu o valor devido a Jesus em sua casa. Sua justificação se baseava na Lei.
  • Quem alcança e reconhece o favor de Deus, nunca esquece, será eternamente grato. Um certo hino antigo, traz as seguintes letras – Oh, oh, oh, oh, nunca esquecerei; Oh, oh, oh, oh, nunca esquecerei; Oh, oh, oh, oh, nunca esquecerei; Eu nunca esquecerei o que Deus fez por mim. Livrou-me da morte, do mundo, do mal (Eu nunca esquecerei); livrou-me da morte, do mundo, do mal (Eu nunca esquecerei)

Quem era a pecadora que ungiu os pés de Jesus? Uma mulher de má fama, o que pode indicar que ela fosse uma prostituta. Ela fez tudo o que o fariseu deixou de fazer ao receber Jesus em sua casa. Ela não se importou com o que as pessoas poderiam estar dizendo. Ela abriu seu coração diante de Jesus.

  • A mulher não foi se assentar a mesa com Jesus, não ficou perto dele, mas se jogou aos seus pés em lágrimas enquanto derramava o perfume em seus pés.
  • Jesus não se importou com a aparência exterior do fariseu e seus convidados, mas demonstrou grande interesse na alma daquela pobre mulher.
  • Embora Jesus estivesse na casa Simão como seu convidado, quem realmente foi abençoado naquele jantar foi a mulher pecadora. Enquanto Simão buscava a aprovação das pessoas, a mulher buscou a misericórdia em Jesus e por isso alcançou o perdão, versos 48-50: Então Jesus disse à mulher: — Os seus pecados estão perdoados. 49 Os que estavam sentados à mesa começaram a perguntar: — Que homem é esse que até perdoa pecados? 50 Mas Jesus disse à mulher: — A sua fé salvou você. Vá em paz.
logo_gif

Contribua com este Ministério

Ajude-nos levar essa mensagem para mais pessoas

R$ 100,00

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: