Você vive de propostas ou com propósitos?


O que move sua vida – o proposito ou a proposta? A princípio pode parecer que proposta e proposito são a mesma coisa, mas não são. Posso assegurar que manter-se firme em um propósito não é fácil, pelo fato de vivermos numa sociedade onde faltam propósitos e sobram propostas em todas as áreas: governos; famílias; religião; espiritualidade; relacionamentos; negócios; etc.

  • É comum ouvir alguém dizer: mostre-me a sua proposta e eu te direi qual é o meu propósito; você é o que te pagam para ser; etc. Muitas pessoas são regidas por propostas. elas são capazes de renunciar a qualquer propósito, desde a proposta seja vantajosa, principalmente no aspecto financeiro.

Assista a mensagem deste sermão em nosso Canal. Aproveite para comentar, curtir, compartilhar e se inscrever.

Por que as pessoas renunciam a seus propósitos pelas propostas? Para responder a pergunta, primeiro precisamos definir sobre qual tipo de propósito estou me referindo: falo sobre a nossa origem, destino e eternidade; um propósito maior que transcende a nossa materialidade e estende pela eternidade.

  • Conceituando a definição de propósito: Razão de ser, existir e viver. Tem a ver com o que Deus planejou para a sua existência, você tem a liberdade para aceitar o propósito de Deus ou não. É o que dá o sentido à vida e se estendo no tempo, começa com o seu nascimento e segue toda a vida. Envolve processos de crescimento que podem ser dolorosos, duradouros, longos e sacrificiais. Não existe jeito fácil de vencer.
  • Qual a definição de proposta? Tem a ver com o imediatismo, é momentânea e surge principalmente durante uma necessidade. Ela surge quando você está precisando de algo e é capaz de supri-lo apenas por um tempo. É o atalho, a possibilidade de alcançar alguma coisa sem muito esforço, do tipo enriqueça em 1 ano sem trabalhar etc. exemplo: jovens brasileiros presos na Tailândia por tráfico internacional de drogas, uma proposta de lucro fácil e rápido, porém extremamente perigoso.

3 Verdades importantes sobre propósito e propostas:

  • Deus trabalha com propósitos e não oferece propostas para forçar alguém a se manter no propósito.
  • Qualquer proposta que Deus faça estará sempre sujeita ao Seu propósito.
  • Quando você sabe qual é o propósito de Deus para a sua vida, fica mais fácil julgar se as propostas que você recebe fazem parte do propósito de Deus ou se são propostas do diabo para inviabilizar o que Deus projetou para sua vida.

Lições bíblicas sobre personagens que receberam propostas tentadoras para se desviarem do propósito que Deus tinha estabelecido para eles. Alguns resistiram e permaneceram firmes, enquanto outros aceitaram as propostas e pereceram.

  • A proposta surge quando você está necessitado, disposto a trocar seu propósito por uma solução imediata. Esaú renunciou o direito de se tornar herdeiro de Isaque pela proposta de um prato de sopa de lentilhas. Por maior que fosse a sua fome, ele deveria ter pensado melhor em suas palavras. Esaú não deu valor ao propósito de se tornar herdeiro de Isaque e Abraão (Gênesis 25:34). Ao declarar que renunciava ao direito de primogênito, ele perdeu o seu propósito e mudou o seu destino. Mais tarde, Esaú chorou por não poder receber a bênção de seu pai, que estava destinada para ele, porque tinha aceitado a proposta de seu irmão.
  • O propósito pode te levar pelo caminho mais difícil, enquanto a proposta busca facilitação. O propósito de Deus era estabelecer José como autoridade importante no Egito, para preservar os descendentes de Abraão da fome que viria sobre a terra. José descobriu o propósito de Deus (Gênesis 45:5b). Aprendemos na história de José que o propósito somente se revela quando a sua maturidade emocional mental e espiritual estão alinhadas. Não tem a ver com idade, mas com maturidade conquistada através do ensino que Deus, através das experiencias que a vida nos proporciona.
  • Nem sempre uma boa proposta se alinha ao propósito de Deus, pois Seu propósito pode envolver mais de uma geração. A proposta do rei Davi era construir um templo para o culto ao Senhor. Mas, Deus lhe disse que o Seu proposito com Davi era tornar Israel uma nação forte para que o seu filho construísse o templo, (I Crônicas 17-7b).
  • É melhor obedecer ao propósito de Deus do que aceitar a proposta do povo. O rei Saul perdeu o propósito de Deus em torná-lo rei por gerações porque aceitou a proposta do povo para oferecer sacrifícios indevidos a Deus (I Samuel 10:1; 15:23b,24).
  • Quem vive por um propósito não se distrai com propostas. Deus tinha o propósito de usar Sansão para salvar a nação israelita dos filisteus (Juízes 13:3-5). Mas, Sansão se deixou levar pela proposta de amar Dalila e se perdeu no propósito (Juízes 16:16-17).
  • O propósito exige que você faça escolhas importantes. Raabe teve que escolher entre o propósito de Deus e a proposta do rei de Jericó para entregar os espias israelitas. Ela preferiu esconder e salvar os espias. A sua escolha salvou a sua vida, sua família e a incluiu na linhagem do Messias (Josué 6:25; Mateus 1:5).
  • Nenhuma proposta, por mais tentadora que seja está acima do propósito de Deus para você. Quando Davi decidiu enfrentar Golias, a proposta do rei Saul era que Davi usasse a sua armadura de guerra, mas Davi seguiu o propósito de Deus usando sua própria arma com a qual derrotou o gigante (I Samuel 17:47, 49).
  • Quem conhece o propósito de Deus não cede as propostas, mesmo quando são impostas. Daniel recebeu uma proposta impondo-lhe que deixasse de orar a Deus por um período de trinta dias, mas ele preferiu manter-se no propósito de orar a Deus três vezes ao dia. O que parecia um fim inevitável, foi na verdade o meio que Deus usou para ser glorificado entre os babilônios e abençoar Daniel (Daniel 6:25-28).
  • Não se apaixone pelas propostas do mundo, mantenha-se firme no propósito para o qual Deus te chamou. Demas, cooperador de Paulo, não resistiu as ofertas do mundo e se apaixonou por elas abandonando Paulo em sua prisão. Por outro lado, Lucas permaneceu ao lado de Paulo, firme no propósito, acompanhando-o em seu sofrimento e registrando a sua história (II Timoteo 4:9-11a).

O diabo ousou fazer propostas a Jesus tentando desviá-lo do seu propósito. Jesus foi tentado por satanás enquanto esteve no deserto, por três vezes o diabo lhe fez propostas que incluíam poder, fama e riquezas, mas Jesus permaneceu firme no propósito de cumprir sua missão redentora da humanidade.

  • Aí o Diabo levou Jesus para o alto, mostrou-lhe num instante todos os reinos do mundo 6 e disse (A PROPOSTA DO DIABO): — Eu lhe darei todo este poder e toda esta riqueza, pois tudo isto me foi dado, e posso dar a quem eu quiser. 7 (PROPOSTA) Isto tudo será seu se você se ajoelhar diante de mim e me adorar. 8 Jesus respondeu (O PROPOSITO DE JESUS): — As Escrituras Sagradas afirmam: “Adore o Senhor, seu Deus, e sirva somente a ele.”
  • Por causa da fidelidade de Jesus ao proposito eterno de Deus, Paulo escreve Filipenses 2:9-11 que: – Por isso Deus deu a Jesus a mais alta honra e pôs nele o nome que é o mais importante de todos os nomes, 10 para que, em homenagem ao nome de Jesus, todas as criaturas no céu, na terra e no mundo dos mortos, caiam de joelhos 11 e declarem abertamente que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus, o Pai.

A nossa vida não deve ser guiada pelas propostas que o mundo oferece, mas pelos propósitos de Deus para nós. Esta é a razão de ser Igreja. Efésios 1:21-23 – Cristo reina sobre todos os governos celestiais, autoridades, forças e poderes. Ele tem um título que está acima de todos os títulos das autoridades que existem neste mundo e no mundo que há de vir. 22 Deus colocou todas as coisas debaixo da autoridade de Cristo e deu Cristo à Igreja como o único Senhor de tudo. 23 A Igreja é o corpo de Cristo; ela completa Cristo, o qual completa todas as coisas em todos os lugares.

Logo Independencia com Cristo OFICIAL

Contribua para este ministério

Ajude-nos levar o evangelho para mais pessoas.

R$ 100,00

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: